Condado Literata

Onde os Condes transformam seus nobres devaneios em histórias.

Designerd

Designer

Olá, leitores do Condado! Sejam bem-vindos ao primeiro post da coluna Designerd!

Eu, o Conde – e Barão na poesia – Ernani Valente escreverei artigos nessa coluna lindona e inovadora. E então vocês se perguntam: Do que essa coluna trata?

Esse ano eu entrei para a faculdade PUC-RJ e estou estudando Design de Mídia Digital. Como eu amo design de todas as formas, através dessa coluna eu encontrei uma maneira de falar de uma das minhas paixões mais apaixonantes de todas: Capas de livros!

A cada primeiro sábado de cada mês do ano, lançarei um artigo falando de uma capa de livro seja ele lançamento ou antigo, desde que seja interessante aos leitores!

Para começar março em grande estilo, trago o nosso primeiro artigo, desvendando a capa de um livro que estou prestes a começar, da trilogia Grisha: Sombra e Ossos de Leigh Bardugo!

Designer de Capa: Diogo Droschi

 https://i0.wp.com/blog.grupoautentica.com.br/wp-content/uploads/2013/07/1220.jpg

Alina Starkov nunca esperou muito da vida. Órfã de guerra, ela tem uma única certeza: o apoio de seu melhor amigo, Maly, e sua inconveniente paixão por ele. Cartógrafa de seu regimento militar, em uma das expedições que precisa fazer à Dobra das Sombras – uma faixa anômala de escuridão repleta dos temíveis predadores volcras –, Alina vê Maly ser atacado pelos monstros e ficar brutalmente ferido. Seu instinto a leva a protegê-lo, quando inesperadamente ela vê revelado um poder latente que nunca suspeitou ter.

A partir disso, é arrancada de seu mundo conhecido e levada da corte real para ser treinada como um dos Grishas, a elite mágica liderada pelo misterioso Darkling. Com o extraordinário poder de Alina em seu arsenal, ele acredita que poderá finalmente destruir a Dobra das Sombras.

Agora, ela terá de dominar e aprimorar seu dom especial e de algum modo adaptar-se à sua nova vida sem Maly. Mas nesse extravagante mundo nada é o que parece. As sombrias ameaças ao reino crescem cada vez mais, assim como a atração de Alina pelo Darkling, e ela acabará descobrindo um segredo que poderá dividir seu coração – e seu mundo – em dois. E isso pode determinar sua ruína ou seu triunfo.”

Como percebido a partir da breve sinopse, o livro é bem obscuro. Ao observar a capa, de cara percebemos que a paleta de cores escolhida remete a um cenário sombrio e bem místico. Uma mistura de cinza, preto, branco, vermelho e degrades neutros.

A fonte (tipografia) do título principal é bem contorcida e arredondada, e, como em toda a capa, envolta de traços curvos acinzentados e negros. Isso propicia ao entendimento do leitor lembrar dos fantasmas e espíritos que foram citados na sinopse, o leitor já se prepara para um suspense ao estilo dark magic para tirar o fôlego de qualquer um!

Ao olhar mais atentamente, nas bordas da capa e na contracapa há galhos de árvores prateados, o que remete novamente ao estilo obscuro e mágico, como uma floresta negra encantada e cheia de vultos e criaturas desconhecidas.

O plano de fundo da capa também é contextualizado. Ao perceber o degrade com tons de cinza, o designer brinca com o mistério que leva ao centro da capa, onde está localizado o título e o subtítulo do livro. Além dos tons mixados, há uma leve textura de papel gasto e amassado. Essa “falsa sujeira” remete à época do enredo, do uso da magia e da existência dos fantasmas e vultos negros, que são de referência da idade moderna/média.

Por fim, ao observar o rodapé central, vemos um conjunto de torres pontiagudas, um castelo. Suas cores preto, vermelho e cinza novamente implementam ao cenário “gótico” e misterioso do enredo do livro. Provavelmente uma figura maléfica se encontra lá ou até mesmo um objeto pelo qual os protagonistas procuram. O que será que significa? Mais um adicional de suspense ao leitor que vai apreciar essa obra aclamada até mesmo por Rick Riordan.

Com a criação do Designerd, espero que percebam que é muito importante compreender a formação da capa de um livro. Nada está ali por acaso, todos os elementos fazem parte do enredo contado em suas páginas e, se o trabalho for de qualidade, terá toda uma significação. Aqui, você acompanha as capas mais legais e despojadas do mercado e é claro, dos melhores livros.

Se os leitores tiverem sugestões de capas interessantes para analisarmos por aqui, por favor comente no post ou escreva para o nosso e-mail: condadoliterata@gmail.com

Espero que tenham gostado da novidade e fiquem ligados para o próximo post no primeiro sábado do mês que vem! Até lá.

Ernani Valente, Condado Literata, 02/03/14.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Informação

Publicado em 08/03/2014 por em Designerd.

Digite seu endereço de email para acompanhar esse blog e receber notificações de novos posts por email.

Junte-se a 115 outros seguidores

"Palavras são, na minha nada humilde opinião, fontes inesgotáveis de magia, capazes de causar grande sofrimentos e também de remediá-los"
- Alvo Dumbledore

"Eu escrevo para quem quer ler o que eu escrevo"
- Bela Deville

Doe Um Livro - Condado Literata

Member of The Internet Defense League

Eventos por vir

Nenhum evento